Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
Mocidade Espírita Batuira   |  Integração do Jovem no Centro Espírita   |  01/09/2003
EVOLUÇÃO DO PRINCÍPIO INTELIGENTE - PARTE III
Objetivo:
Compreender a evolução do princípio inteligente e o surgimento do Espírito; identificar e trabalhar sentimento, pensamento e comportamento como propiciadores de sofrimento ou felicidade, comparações e paralelos entre os seres vivos, suas limitações e amplitudes mostrando-as em crescimento, onde a criatura humana faz parte de uma cadeia harmoniosa destinada à perfeição. 

Reino Animal - Invertebrados - Platelmintos

Introdução:

O filo Platyminthes (do grego, platy = achatado; helminthes = verme) contém os animais conhecidos como vermes achatados por terem o corpo mole e fino. Aliás , o termo "verme" é empregado popularmente para designar os animais desprovidos de patas e que apresentam o corpo alongado.No caso do platelmintos , a essas características soma-se o fato de o corpo lembrar uma fita , pois é achatado no sentido dorso-ventral.
Os platelmintos revelam grau mais elevado de evolução quando comparados com os poríferos e cnidários.Enquanto as esponjas e os celenterados são animais diblásticos ou diploblásticos (durante o desenvolvimento embrionário só formam dois folhetos: ectoderma e endoderma) , os platelmintos já são animais triblásticos ou triploblásticos (formam três folhetos embrionários: ectoderma , mesoderma e endoderma).Todavia , os platelmintos ainda se mostram abemolados , pois o seu mesoderma não se organiza em duas camadas capazes de se separar. Dessa maneira , não surge o celoma ou cavidade geral do corpo, espaço que, na maioria dos animais, separa as vísceras da parede corporal. Esses vermes têm , portanto , o corpo "maciço".
Outro aperfeiçoamento que os platelmintos revelam em relação aos celenterados é a simetria bilateral do corpo.Os animais de simetria bilateral apresentam um formato corporal tal que só podem ser divididos imaginariamente em duas metades iguais. A simetria bilateral está relacionada diretamente com a capacidade de movimentação do animal.A parte do corpo que primeiro entra em contato com o ambiente (extremidade anterior) contém a maioria dos órgãos sensoriais e difere da extremidade oposta (posterior).Os platelmintos formam o mais primitivo de todos os filos bilaterais, representando uma transição para a estrutura complexa dos animais superiores que também são bilateralmente simétricos.


Outro aperfeiçoamento que os platelmintos revelam em relação aos celenterados é a simetria bilateral do corpo.Os animais de simetria bilateral apresentam um formato corporal tal que só podem ser divididos imaginariamente em duas metades iguais. 
A simetria bilateral está relacionada diretamente com a capacidade de movimentação do animal.A parte do corpo que primeiro entra em contato com o ambiente (extremidade anterior) contém a maioria dos órgãos sensoriais e difere da extremidade oposta (posterior).Os platelmintos formam o mais primitivo de todos os filos bilaterais, representando uma transição para a estrutura complexa dos animais superiores que também são bilateralmente simétricos.


Os platelmintos são os primeiros animais a possuir centros nervosos, com ações mais coordenadas, respostas mais elaboradas aos estímulos e até uma certa capacidade de aprendizado e memória.
Quanto aos órgãos e sistemas , eles são mais desenvolvidos nos platelmintos do que nos celenterados.

Classificação
As mais de 10 mil espécies de platelmintos são distribuídas em três classes:


A - Classe Turbellaria
São os platelmintos de vida livre , em sua grande maioria marinhos , mas também encontrados em água doce e solo úmido , com destaque para as planárias.

B - Classe Trematoda
Todos parasitas , principalmente de vertebrados.Epiderme não ciliada , existência de ventosas e ausência de órgãos sensitivos são as características que diferenciam dos turbelários.O causador da esquistossomose, Schistosoma mansoni; o parasita de carneiros , Fasciola hepática e outros vermes menos conhecidos formam esta classe.

C - Classe Cestoda
Todos endoparasitas são , geralmente , delgados e muito longos , tendo o corpo com várias secções curtas. Diferenciam-se dos seres das outras classes por não apresentarem aparelho digestivo , absorvendo o alimento diretamente pela superfície do corpo.Os representantes mais conhecidos são as tênias ou solitárias , parasitas do homem e de animais.

Dados de anatomia e fisiologia:
Sistema digestivo: incompleto (intestino muito ramificado); digestão extra e intracelular.
Sistema circulatório: ausente (alimento distribuído pelo intestino muito ramificado a todas as células do corpo).

• Sistema respiratório: ausente (trocas gasosas diretamente entre as células e o ambiente).
• Sistema excretor: presente (rede de protonefrídios com células-flamas ou solenócitos); poros excretores na superfície dorsal do corpo.
• Sistema nervoso : presente (um par de gânglios cerebrais, ligados a dois cordões nervosos longitudinais).
• Sistema sensorial: presente (órgãos especializados na capitação de estímulos luminosos, mecânicos e químicos). 

Reprodução: Sexuada e assexuada, em algumas planárias pode haver reprodução assexuada por fragmentação, as planárias são monóicas, com desenvolvimento direto, sem estágio larval; outras espécies são dióicas; muitos representantes desse filo são parasitas com diversos estágios larvais.

A elevada capacidade de regeneração permite que algumas espécies de planárias se reproduzam-se assexuadamente por divisão transversal do corpo.

Regeneração: Um organismo seccionado em dois fragmentos produz dois novos organismos / corte transversal.
Experimentos com planárias comprovaram a existência de um gradiente de regeneração: uma planária cortada em vários fragmentos transversais produz novas planárias menores a partir de cada fragmento e observa-se que o processo é mais rápido nas porções anteriores, ou, seja, naquelas mais próximas à cabeça.As células indiferenciadas do mesênquima são as responsáveis por cada fragmento recuperar as estruturas que estão faltando até produzir uma nova planária.


As principais verminoses causadas por platelmintos que atingem o homem são:

esquistossomose , causada pelo platelminto Schistosoma mansoni , cujos vetores são os caramujos de água doce.As larvas penetram ativamente pela pele humana nas lagoas de coceira.Provoca distúrbios hepáticos e intestinais. 

teníase , provocada pelas tênias ou solitárias , vermes platelmintos que o homem ingere quando come carne de porco ou de vaca contaminadas.Provocam problemas intestinais.
A ingestão de ovos de Taenia solium , contidos em água ou verduras , pode causar a cisticercose cerebral. 

OBS: Durante o estudo foi mostrado várias fotos ampliadas dos Platelmintos.

Após o estudo foi proposto aos jovens fazerem uma atividade.

Dinâmica:
- Mosaico 
- Segundo Aurélio
- Embutido de pedrinhas de cores, dispostas de modo que aparentam desenhos.

Material:
- Diversas letras coloridas
- Papel cartão ou cartolina / cola
- Caixa de sapato

Realização:
- Formar 05 grupos
- Misturar as letras dentro da caixa de sapato e colocar no meio da sala para que cada grupo possa trabalhar.
- Propor à cada grupo a construção de palavras.
- Palavras: Amor, perdão, tolerância, solidariedade e fraternidade.

Etapas:
- Cada grupo vai montar uma palavra.
- Colar todas as palavras na cartolina ou papel cartão.
- Expor no painel.

Após expor o mosaico no painel refletir:

Concluímos o quê no estudo de hoje ? Que a planária tem grande capacidade de regeneração.
No mosaico do destino , existem trechos quebrados ou danificados à espera de restauração ou acabamento.
Cada grupo buscou através das letras montar seu próprio mosaico, encaixando cada letra em seu devido lugar, construindo dessa forma uma palavra. No dia - a - dia devemos também buscar ações que venham modificar nosso comportamento, abandonando o homem velho pelo homem novo?
Cada grupo vai comentar sobre a palavra que construi.

Continua ...

Marilisa de S.Valente da Silva
Setembro / 2003
 
Bibliografia:
• 30 Atividades de Educação Emocional e Intuitiva - Rita Foelker - Item:21/Pag.20 
• Livro de Biologia do Ensino Médio / Amabis & Martho - Volume II. 
• Tempo de Renovação - Juvanir Borges de Souza - Capítulo 20 - Pag.164/165
• Renovando Atitudes - Hammed / Francisco do Espírito Santo Neto - Pag.43/44/69/70/71. 
• O Livro dos Espíritos - Allan Kardec - Questões:614,619,621,621a,622,1004. 
• O Evangelho Segundo o Espiritismo - Allan Kardec - Cap.V / Itens 4,6 e 18. • Impulsos Criativos da Evolução - Jorge Andréa - Pág. 126 - 3ª Edição.
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett