Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
O Céu e o Inferno  |  Segunda Parte - Exemplos Capitulo VII     |  02/03/2009
ESPÍRITOS ENDURECIDOS - UM ESPÍRITO ABORRECIDO - PARTE II
... (Bordéus, 1862)
- P. Estais há muito em tal situação? - R. Faz cento e oitenta anos mais ou menos. - P. Que
fizestes na Terra? - R. Nada de bom.
2. - Qual a vossa posição entre os Espíritos? - R. Estou entre os entediados. –(1)

O tédio é um fenômeno que revela tudo que estagna a existência, o que molesta, enfada, cansa, aborrece, incomoda e enjoa. A identificação da palavra tédio,insistindo nas definições e na etimologia da palavra, não e’ feita por razões escolásticas, mas para captar tanto quanto possível o que esta nos comunica. Este termo procede do latim: tædium, do verbo tædere, e nos dicionários é traduzido como fastio, desgosto, aborrecimento, dissabor, enjoo, repugnância, tudo que enfada, molesta, cansa, incomoda. "Tædium movere si" (tacito) significa: tornar-se enfadonho a si mesmo (2). No grego antigo, além da palavra ANIA (anía) que corresponde ao significado, tédio, existe também a palavra - THTH (titi) do verbo titaome, que significa falta de algo, escassez (3). Nas línguas modernas como, por exemplo, no inglês: tediousness, tiresomely long or slow from dullnes, bored (cansativamente longo ou lento) (4). Em alemão: langweiligkeit (tempo vagaroso, longo) (5). Em francês: ce qui est fastidieux (6).

No tédio existe o aborrecimento, o desgosto, a falta de algo, especialmente na língua alemã e no inglês, é ressaltada nitidamente, a vivência do tempo que fica estagnado. Mas não somente o tempo vivencial se altera, também o espaço se torna mais reduzido no sentido do desgosto, enjoo, na falta de iniciativa. O tédio exala o tempo vagaroso que arrasta para um mundo desprovido de significações e esvaziado de sentidos(7). Como vivência existencial fundamental, o tédio faz parte da vida humana representando uma marca intersubjetiva diante da realidade esvaziada de significações sensíveis É como estar num mundo desprovido da mínima emoção humana.(8)

Nas diferentes culturas representadas pelas línguas analisadas e em diferentes tempos torna-se evidente que a ausência de significações emocionais torna o tédio uma forma de viver mental que incorporada no ser se manifesta em todo o viver mesmo na ausência de um corpo material. 
É o que relata Allan Kardec neste caso trazido para análise.

... ”5. - Os Espíritos que, como vós, foram tomados de tédio, não podem libertar-se
de tal contingência desde que o desejem? - R. Não, nem sempre, porque o tédio lhes
paralisa a vontade. Sofrem as conseqüências da vida que levaram, e, como foram
inúteis, desprovidos de iniciativa, assim também não encontram entre si concurso
algum. Entregues a si mesmos, nesse estado permanecem, até que o cansaço,
decorrente de tal neutralidade os agite em sentido contrario, momento no qual a sua
menor vontade vai encontrar apoio e bons conselhos e secundar-lhes o esforço e a perseverança (1)

O tédio é o atestado permanente da infelicidade íntima e sua herança é uma espécie de hábito nocivo de mostrar para o maior número possível de pessoas sua condição de miserabilidade afetiva e social. O tédio funciona como uma couraça ou muro construído após sucessivas etapas de decepção, medo ou solidão. Não sofrer novamente é o único seguro para não procurar novas experiências frustrantes.(9)

...”7. - E não vos aproveitaram as existências anteriores? - R. Sim, todas, porém,
parcamente, visto serem reflexos umas das outras. O progresso existe sempre, porém
tão insensível que se nos torna inapreciável.
8. - Enquanto esperais uma nova encarnação, apraz-vos repetir as vossas
comunicações? - R. Evocai-me para me obrigardes a vir, pois com isso me prestareis
um beneficio.”(1)

O tédio ou frustração existencial ,caracteriza-se por um estado de aborrecimento, apatia e inutilidade no qual o indivíduo carece de direção e questiona a finalidade de todas as atividades da sua vida, optando por nada fazer(10). 
Os comentários que se segue foram feitos pelos Espíritos a Allan Kardec a respeito do caso em questão :

“...” Este é um ocioso no mundo espiritual, assim como o foi no planeta. Trouxemo-lo a ti para que tentasses arrancá-lo dessa apatia, desse tédio que constitui verdadeiro sofrimento, às vezes mais doloroso que os sofrimentos agudos, por se poder prolongar
indefinidamente. Imagina a perspectiva de um tédio sem-fim. A maior parte das vezes são os Espíritos dessa categoria que buscam as vidas terrestres apenas como passatempo e
para interromper a monotonia da vida espiritual. Assim acontece aí chegarem
freqüentemente sem resoluções definidas para o bem, obrigados a recomeçarem
sucessivamente, até atingirem a compreensão do verdadeiro progresso.”(1)

Para tudo há um limite, seja a infelicidade ou a própria crueldade dirigida contra a si mesmo pela ociosidade.Aos poucos estes Espíritos aborrecidos a partir do enfrentamento da solidão, da vida, da finitude, da dor e do sofrimento, reconstroem as significações sensíveis, amadurecem e aproveitam melhor as novas existências.

Laurelucia Orive Lunardi
Março / 2009
 
Bibliografia:
1 Kardec Allan ,O Céu e o Inferno, cap VII:- Espíritos endurecidos :- UM ESPÍRITO ABORRECIDO. 2 Dicionário Latim-Português Português-Latim Ed Porto 3 Isidro Pereira, S. J, Dicionário Grego-Português E Português- Grego 4 Michaelis Moderno Dicionário Inglês 5 Jelssa Ciardi Avolio e Mára Lucia Faury Dicionário Escolar Francês 6 Alfred Josef Keller ,Dicionário Escolar Alemão. 7 Freud, Sigmund. O Mal Estar Da Civilização. Obras Completas, Madrid: Biblioteca Nueva, 1981 8 Lars Svendsen ,Filosofia Do Tédio 9 Adler, Alfred. O Caráter Neurótico. Buenos Aires: Paidós, 1912 10 J. Revers. Psicologia do Tédio
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett