Canção da Esperança
Envolve-se a terra
No crime e na treva
Ressoa e se eleva
O grito da guerra.
Foguetes, canhões,
Preparam violência
O ódio e a inclemência
Agitam milhões.
E a fome e a miséria
Estendem seu manto
E arrancam o pranto
Na cruz da matéria.
E dançam na orgia
O álcool, o fumo,
O sexo sem rumo
Em louca alegria.
Mas Deus esquecido
É sempre presente
No subconsciente
De cada individuo.
E se o que é visível
É luta e trapaça,
O que é que se passa
No mundo invisível ? 
Espíritos nobres amparam a terra
E a providencia jamais hesita ou erra:
É fixo o destino: o progresso e o amor!
E a liberdade moldada pela dor
Um dia se prostra ante a bondade eterna!
Em todo o Universo a lei que nos governa
É aquela que vence o mal que vem de nós!
Toda natureza clama em alta voz
A soberania e a vitória da luz!
Em meio aos escombros do mundo, Jesus
Reina e nos espera com abnegação
E ajuda o planeta rumo à evolução! 
______________________________________________________________________________________________________________
http://www.cebatuira.org.br/
2018/7/18 | 07:25:42

IMPRIMIR