Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
Estudo Evangélico     |  01/11/2001
FÉ E OBRAS
" A fé se não tiver obras, é morta em si mesma ". 
(Tiago, 2:17)

Tiago escreveu essa carta aos cristãos que se achavam entre os judeus dispersos ( nome que se dava aos judeus que habitavam fora da Terra Santa ), com o objetivo de corrigir os erros e condenar os pecados a que estavam sujeitos os primeiros judeus convertidos ao cristianismo e, animar os crentes convertidos a sofrer as provações a que estavam sujeitos. 
              
Fé é a confiança que se tem no cumprimento de algo, certeza de atingir um fim para o qual se tende procurando os meios para atingir. 
              
Do ponto de vista religioso, fé é a crença nos dogmas particulares que constituem as diferentes religiões. 
              
Emmanuel, no livro " O Consolador ", pergunta 354, elucida: " Ter fé é guardar no coração a luminosa certeza em Deus, certeza que ultrapassa o âmbito da crença religiosa, fazendo o coração repousar numa energia constante de realização divina da personalidade". Significando luta, trabalho incansável para se alcançar objetivos e fins. 
              
Existe a fé cega, que não examina nada, aceita sem controle o falso, o verdadeiro, e se choca, a cada passo, contra a evidência e a razão. 
             
  Allan Kardec, no " Evangelho Segundo o Espiritismo ", cap. XIX, item 7, ensina que " não há fé inabalável senão aquela que pode encarar a razão face a face, em todas as épocas da humanidade ". Para ser portanto, proveitosa deve ser ativa, e não se prender aos cultos exteriores da religião a que nos afeiçoamos. 
              
Fé verdadeira, é não mais dizer " eu creio ", mas afirmar " eu sei ", com todos os valores da razão tocados pela luz do sentimento. 
              
Fé e obras se completam em nossas relações com a Vida, onde viver representará certezas tanto nos aspectos materiais quanto nos espirituais. 
              
O exemplo de nossas obras mostra o mérito da fé que temos. Acreditar e nada fazer, crer e desanimar, ter fé e desesperar são paradoxos. Nossa forma de ser, agir, falar tem que exteriorizar as certezas que possuímos onde as obras serão contagiantes, envolvendo o outro em tranqüilidade, calma, paz, que só a segurança daquele que sabe por onde caminha, para onde vai proporciona. 
              
Serviço é condição que a lei estabelece para todas as criaturas, a fim de que o Criador lhes responda. 
              
A criatura que apenas trabalhasse, sem método, sem descanso, acabaria desesperada, em horrível secura de coração; aquela que apenas se mantivesse genuflexa, estaria ameaçada de sucumbir pela paralisia e ociosidade. 
              
Em se tratando de religião, cada crente possui razões respeitáveis e detém preciosas possibilidades que devem ser aproveitadas no engrandecimento da vida e do tempo, glorificando o Pai. 
              
Quando percebemos as bênçãos de Deus e nada realizamos de bom, em favor dos semelhantes e de si mesma, assemelhamo-nos ao avarento que passa sede e fome, com a intenção de esconder, a riqueza que Deus lhe emprestou. Por esta razão a fé que não ajuda, não instrui e nem consola, não constrói obras e não passa de escura vaidade e enganos do coração. 
              
"O Reino Divino guarda o imperativo da ação por ordem fundamental. Sigamos para diante e propaguemos a verdade salvadora, através dos pensamentos, das palavras, das obras e de nossas próprias vidas. O Todo-Sábio criou a semente para produzir com o infinito. Desce do alto a claridade do Sol cada dia para extinguir as sombras da Terra. Esse é o objetivo do Evangelho. Amar, servindo, é venerar o Pai, acima de todas as coisas; e servir, amando, é amparar o próximo como a nós mesmos". 

A fé sem obras é como a lâmpada que não clareia - é inútil.

Márcia Casadio / Maria Ap. F. Lovo 
Novembro / 2001
 
Bibliografia:
• O Evang. Seg. o Espiritismo - A.K. - XIX 
• À luz da oração - F.C.Xavier/Emmanuel 
• O Consolador - F.C.Xavier/Emmanuel - perg.354 
• Jesus no lar - F.C.Xavier/Neio Lúcio - lições 32 e 45
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett