Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
O Evangelho Segundo o Espiritismo  |  Servir a Deus e a Mamom   |  Capitulo XVI   |  01/10/2013
PARÁBOLA DOS TALENTOS
“O Senhor age como um homem que, ao se ausentar para longe, chamou os seus servos e lhes entregou os seus bens. E deu a um cinco talentos e a outro dois e a outro deu um, a cada um segundo a sua capacidade, e partiu logo.
O que recebera, pois, cinco talentos, foi-se, e entrou a negociar com eles e ganhou outros cinco. Da mesma sorte também o que recebera dois, ganhou outros dois.Mas o que havia recebido um, indo-se com ele, cavou na terra um buraco e ali escondeu o dinheiro do seu senhor.E passando muito tempo, veio o senhor daqueles servos e chamou-os às contas. E chegando-se a ele, o que havia recebido os cinco talentos, apresentou-lhe outros cinco talentos, dizendo: Senhor, tu me entregaste cinco talentos; eis aqui outros mais, que lucrei.Seu senhor lhe disse: Muito bem, servo bom e fiel; já que foste fiel nas coisas pequenas, dar-te-ei a intendência das grandes; entra no gozo do teu senhor.Da mesma sorte apresentou-se também o que havia recebido dois talentos, e disse: Senhor, tu me entregaste dois talentos, e eis aqui outros dois que ganhei com eles.
Seu senhor lhe disse: Bem estás, servo bom e fiel; já que foste fiel nas coisas pequenas, dar-te-ei a intendência das grandes; entra no gozo do teu senhor.
E chegando também o que havia recebido um talento, disse: Senhor, sei que és um homem de rija condição; segas onde não semeaste e recolhes onde não espalhaste; e temendo me fui, escondi o teu talento na terra: eis aqui tens o que é teu.
E respondendo o seu senhor, lhe disse: Servo mau e preguiçoso, sabias que sego onde não semeei e que recolho onde não tenho espalhado. Devias logo dar o meu dinheiro aos banqueiros, e, vindo eu, teria recebido certamente com juro o que era meu. Tirai-lhe pois, o talento e dai-o ao que tem dez talentos. Porque a todo o que tem, tirar-se-lhe-á até o que parece que tem. E ao servo inútil, lançai-o nas trevas exteriores: ali haverá choro e ranger de dentes. “Mateus, XXV: 14 a 30 .)

No primeiro parágrafo da parábola, vemos que o Senhor dá a cada homem, em cada existência, as experiências que lhe são necessárias, segundo a sua capacidade de vivenciá-las com proveito, desenvolvida em vidas anteriores.

O êxito ou o fracasso dependem da vontade no uso do livre-arbítrio de cada um. Deus dá sim, através das Suas leis, o frio conforme a coberta, como diz o ditado popular.

Aquele que sofre experiências mais difíceis é porque tem condições evolutivas de vencê-las, no progresso do bem próprio e dos que lhe partilham as experiências.

Na concepção espírita, todos têm os talentos necessários às suas experiências vivenciais, ninguém tem todos de uma vez.

Todos os Espíritos, tendo a mesma origem, as mesmas potencialidades espirituais, devendo realizar seu processo evolutivo através das reencarnações em mundos materiais, para tornar-se perfeito e feliz, têm também a liberdade de isso fazer segundo o seu livre-arbítrio, e no tempo que quiser.

Por isso, respondem por todos os seus atos bons e maus, durante esse desenvolvimento, tendo, a cada existência, as experiências necessárias e possíveis de serem vivenciadas com proveito.

Assim, uns têm mais talentos, outro têm menos, mas todos têm os que lhes são adequados às suas capacidades e necessidades, para as experiências atuais, atendendo à justiça que exige de cada um, apenas o que pode dar e fazer.

Todos já trazem dentro de si os talentos adequados a uma vivência de realizações e aproveitamento espiritual, conforme o seu estado evolutivo.

Esses talentos, que não são iguais para todos, porque têm por finalidade ser instrumentos de evolução para essa existência, são os bens materiais: corpo físico, dinheiro, família, amigos, doença, saúde, emprego, escola e os bens espirituais : inteligência, qualidades morais, habilidades, conhecimentos, vocações...

Usá-los em seu próprio favor e em benefício dos outros é evoluir com mais naturalidade, com mais segurança, equilíbrio e paz, recebendo sempre mais e novos talentos, no decorrer de sua evolução.

Usá-los somente para satisfazer seus desejos egoístas, causando sofrimentos a uns, prejudicando a outros, omitindo-se no bem, não usando seus talentos, é criar dores e sofrimentos, nas trevas exteriores, no choro e ranger de dentes, no plano espiritual ou em difíceis existências futuras, até que, cansado de sofrer, arrepende-se, e clama pelo Pai.

             Recebe nova oportunidade de reencarnação, muitas vezes sem o talento que foi mal utilizado ou não usado. Daí “Porque a todo o que tem, dar-se-lhe-á, e terá em abundância; e ao que não tem, tirar-se-lhe-á até o que parece que tem.”

Quem usa seus talentos, poucos ou muitos, de forma a colaborar no progresso de si mesmo e dos demais, aumenta-os, desenvolve-os, tornando-se merecedor de maiores responsabilidades em novos empreendimentos, com novos talentos.

Assim, devemos todos conhecermo-nos o mais possível, confiando na proteção divina, a fim de usar os talentos que temos, em favor da nossa autoeducação e em favor de todos os que nos cercam.

Leda de Almeida Rezende Ebner
Outubro / 2013
 
Bibliografia:
KARDEC, Allan - “O Evangelho Segundo o Espiritismo” 

 O CENTRO ESPÍRITA BATUIRA esclarece que permanece divulgando os estudos elaborados pela Sra Leda de Almeida Rezende Ebner após o seu desencarne, com a devida AUTORIZAÇÃO da família e por ter recebido a DOAÇÃO DE DIREITOS AUTORIAIS, conforme registros em livros de Atas das reuniões de diretoria deste centro.
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett