Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
O Livro dos Espíritos  |  Capítulo III - Criação     |  03/10/2011
PLURALIDADE DOS MUNDOS (QUESTÃO 55 A 58) - CONCLUSÃO - 5 - (FINAL)
             Contendo os princípios da Doutrina Espírita sobre a imortalidade da alma, a natureza dos Espíritos e suas relações com os homens, as leis morais, a vida presente, a vida futura e o porvir da Humanidade (Segundo o ensinamento dos Espíritos superiores, através de diversos médiuns, recebidos e ordenados por Allan Kardec)

Livro Primeiro: As Causas Primárias
 
Cap. III - Criação

V - Pluralidade dos Mundos (q. 55 a 58)

                          - Conclusão 5 (Final)

             A terceira interpretação das muitas moradas na casa do Pai pode abrir-se aos vários departamentos da mente, onde se demoram pensamentos e reações, dramas e tragédias, anseios e realidades do Espírito, e onde esse mesmo Espírito fixado no passado, no instinto, na impulsividade, no automatismo, ou, conseguindo ser consciente percebe o presente, usa a razão e a vontade, para estabelecer, escolher caminhos que prefira ou ainda, governa o seu mundo mental rumo ao futuro, vivendo na intuição das noções superiores, o ideal, anseios, aspirações, esperança idealizada em fé no que há de vir, contidos já em gérmen na consciência integral.
             Detendo-nos na Terra, sabendo-a na classificação de mundo de expiação e provas, entende-se porque conviver o homem com realidades duras. Como mundo inferior, há predomínio do mal sobre o bem.
             Assim como a Terra, fisicamente, usou bilhões e bilhões de anos para configurar-se tal qual é hoje, também moralmente, a evolução se faz lenta e gradual.
             Seus habitantes, já têm um determinado progresso espiritual; conservam, entretanto, numerosos vícios a que se mostram mais propensos e que se constitui como traço de imperfeição moral. Tudo isso, requer despertamento, trabalho individual, através do qual, vai diminuindo em si aspectos menores e adquirindo merecimento para ascender.
             Encontram-se ainda no planeta, não mais Espíritos primitivos, mas infantis (selvagens) em curso de educação, para se desenvolverem; raças semicivilizadas, Espíritos já em vias de progresso, até povos esclarecidos, numa gradação e interfases imensas, mostrando, inúmeras moradas, não deixando ninguém ao abandono.
             Os Espíritos em expiação são os diferentes, exóticos; são aqueles que já tiveram suas oportunidades em outros mundos e de lá foram excluídos por obstinação ao mal. Degradados a um meio hostil, atrasado, devem colaborar para o progresso, trazendo conhecimentos que adquiriram e desenvolveram em si, o bem que não fizeram antes.
             Passará a Terra para mundo de regeneração.
             Progredirá ela, fisicamente pela transformação dos elementos que a constituem, e moralmente pela depuração dos Espíritos encarnados e desencarnados que ali habitam.
             Esse duplo progresso realiza-se paralelamente, uma vez que a melhoria da habitação denota a capacidade e conhecimento do habitante.
             Na linha da evolução, portanto, a evolução física de um mundo se aperfeiçoa na proporção em que melhoram seus habitantes, desenvolvendo a inteligência, o senso moral, o abrandamento dos costumes.
             Para que a Terra se inclua no tempo em mundo de regeneração, faz-se necessário ser habitada por encarnados e desencarnados bons e que só ao bem se dediquem.
             Quando for chegado o tempo, os que praticam o mal não se deixando tocar pelo bem, não serão dignos, não oferecerão condições para habitar o planeta transformado. Necessitam ser excluídos, pois não podem obstar o progresso. Essa exclusão dar-se-á para mundos inferiores, outras raças, às vezes até mesmo terrestres, mas muito atrasadas.
             Essa migração, essa superposição de Espíritos não se dará de forma brusca, em cataclismos e tragédias, mas gradualmente, desencarnando uns e reencarnando outros sem que haja mudança na ordem natural das coisas.
             Em cada criança que nascer, ao invés de um Espírito atrasado e inclinado ao mal, encarnará um Espírito mais adiantado com propensão ao bem.
             Por isso, o tempo atual é difícil. É época de transição, na qual se confundem os elementos das duas gerações. De certa forma, assiste-se a partida de uns e a chegada de outros, assinalando cada um, caracteres que lhe são peculiares.
             A geração que chega, justamente por caber-lhe fundar a era do progresso moral distingue-se pela inteligência e razão, geralmente precoces, junto ao sentimento inato de bem e abertura a crenças espiritualistas, indícios estes de certo adiantamento anterior.
             Não se constituirá, porém, essa nova população da Terra de Espíritos Superiores, mas de Espíritos que já alcançaram algum despertamento e se acham predispostos a assimilar ideias progressistas, aptos a secundar movimentos de regeneração.
             Essa é no momento a destinação da Terra – transformar-se em mundo de regeneração. Continuando seu progresso ininterrupto, ascenderá gradativamente a planos cada vez mais amplos até a perfeição a que está predestinada.
             A “Casa do Pai” é o Universo, as diferente moradas – na esfera física, nas diversas zonas espirituais ou nos vários departamentos da mente – visam oferecer aos Espíritos meios para que sua destinação espiritual, que é a caminhada de volta para o Pai, se cumpra.
             Fitando a fulguração física das estrelas no firmamento infinito, relacionando-se com os desencarnados no plano hiper-físico, educando a casa mental, este estudo é um chamamento, um convite para que analisemos em que morada habitualmente nos situamos. Desperta para que se avalie a meta a alcançar e a forma como é feito esse caminhar. É esperança a mostrar que cada um está sempre rodeado de bênçãos e opções, das escolhas que sendo responsáveis e elevadas realizarão exatamente o texto de João – cap. XIV – 12:3 – “Não se turbe o vosso coração – há muitas moradas na casa de meu Pai”.
             Estamos no limiar de um novo mundo, que pede nascer, antes de mais nada, no íntimo de cada um, para que cada um esparzindo de si o melhor em tudo quanto faça, para depois ou simultaneamente, fazer-se lei na Terra, consolidando assim, a escala evolutiva da progressão dos mundos.

 Leda Marques Bighetti
Outubro / 2011
 
Bibliografia:
- Santo Agostinho – Paris – 1863 – O Evangelho Segundo o Espiritismo
 - O Evangelho Segundo o Espiritismo / Allan Kardec - Cap. III e a Gênese cap. VI. / Allan Kardec
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett