Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
O Livro dos Espíritos  |  Capítulo III - Criação     |  02/08/2010
DIVERSIDADE DAS RAÇAS - (QUESTÃO 52 A 54) - PARTE VII
             Contendo os princípios da Doutrina Espírita sobre a imortalidade da alma, a natureza dos Espíritos e suas relações com os homens, as leis morais, a vida presente, a vida futura e o porvir da Humanidade (Segundo o ensinamento dos Espíritos superiores, através de diversos médiuns, recebidos e ordenados por Allan Kardec)
Livro Primeiro: As Causas Primárias
 
Cap. III - Criação

IV - Diversidade das Raças (questões de 52 a 54)

53 - continuação julho 2010

Após vários acontecimentos que vão culminar com a descida dos Capelinos, extinta já grande parte da terceira raça do Oriente, abre-se no Ocidente campo de uma nova civilização terrestre, a quarta raça, agora na Atlântida. 
             
Os remanescentes da terceira raça, inclusive os primitivos, continuariam a renascer entre os povos que se retardaram não acompanhando a marcha evolutiva da Humanidade.
             
Assim como sucedera em outras partes, os exilados seguiram lentamente sua marcha evolutiva. Eram menos selvagens, homens fortes, pele vermelha escura ou amarela, imberbes, dinâmicos, altivos e terrivelmente orgulhosos. Eram ambiciosos de poder e dominação. 
             
Desenvolveram faculdades psíquicas notáveis para a época e usavam-nas em favor das ambições. Com isso geravam dissensões, o que fez com que reencarnassem missionários Espirituais para harmonizar e inspirar diretrizes mais justas e construtivas.
           
“(...) Segundo consta de algumas revelações mediúnicas, ali reencarnou duas vezes, sob os nomes de Anfion e de Antúlio, o Cristo planetário, como já o tinha feito sob os nomes de Numú e Juno, e como o faria mais tarde na Índia, como Krisna e Buda e na Palestina, como Jesus”.

A tal ponto generalizaram-se os desentendimentos entre os diferentes povos, que impôs-se a providência de separação de grandes massas humanas: romahals, turanianos, mongóis, e travlatis, voltando grande parte para o norte do continente, de onde uma parte passou à Ásia, localizando-se principalmente na China. Outra alcançou o continente Hiperbóreo situado nas regiões árticas e norte da Europa, que nessa época oferecia ótimas condições de vida.
             
A grande massa que permaneceu na Atlântida constituiu-se de três sub-raças: toltecas, semitas e acádios, conseguindo extraordinários progressos no campo material. À semelhança, porém, do que acontecera no Oriente, essas sociedades deixaram-se dominar pelos instintos inferiores, pela prática de atos condenáveis, orgulho e violência. Degeneraram, lavrou-se entre eles terríveis corrupção psíquica, comprometendo sua evolução, que como conseqüência atraiu o cataclismo de submersão da Atlântida.
             
Não há documentos esclarecedores desses acontecimentos. Embora rotulados no campo das lendas, é importante que se conheça fatos, idéias, acontecimentos da vida planetária.
             
Muitos autores respeitáveis aceitam a autenticidade desses fatos. Em relação à Atlântida há um manuscrito de nome “O Troiano”, descoberto ao sul do México e que se conserva no “British Museum” de Londres e que revela interessantes situações, desenhos e várias referências situando essas terras no oceano a leste, justamente onde se localizava a Atlântida.
             
No fundo do Atlântico foram encontradas lavas vulcânicas cristalinas. Estudos revelam a existência de uma grande cordilheira começando na Irlanda e terminando mais ou menos na foz do rio Amazonas, já no Brasil e cuja elevação é quase de 3.000 mil metros acima do nível médio do fundo do oceano.

“(...) E também se verificou que no fundo do Atlântico está lentamente se erguendo: a sondagem feita em 1923 revelou um erguimento de quatro quilômetros em vinte e cinco anos, o que concorda com as profecias que dizem que a Atlântida se reerguerá do mar para substituir continentes que serão por sua vez afundados”.
             
Há, portanto, série de indícios e circunstâncias que falam da existência deste grande continente, entre a Europa e a América e onde viveu a 4ª raça.
             
As datas também não podem ser confirmadas precisamente, porém, acredita-se que entre o afundamento da Lemúria e o da Atlântida, houve um espaço de setecentos mil anos.
             
A terra firme, nessa época, parece ter chegado ao máximo de extensão, ostentando-se por vários continentes e infinidade de ilhas. Parece que, também a esse tempo, ultimou-se o desenvolvimento das faculdades físicas do gênero humano.
             
Possuíam os atlantes profundos conhecimentos das leis da Natureza, da metalúrgica, cultivavam a magia negra e utilizavam-se grandemente dos seres espirituais do submundo. “(...) A peçonha e o sabor do sangue, estabeleceram (entre eles) seu reinado”.

             A quinta raça - Setembro 2010

Leda Marques Bighetti
Agosto / 2010
 
Bibliografia:
- A Caminho da Luz – Francisco C. Xavier/ Espírito Emmanuel - Revista Espírita 1862-1867-1864-1860 - Exilados de Capela 
– Edgard Armond - A voz do Antigo Egito 
– Waldomiro F. Lorenz - Arquivos Psíquicos do Egito 
– Hermínio C. de Miranda - Anuário Espírita – 2000 - Revista Informação – comunicação – 1ª e 2ª parte
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett