Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
O Livro dos Espíritos  |  Capítulo III - Criação     |  01/03/2010
DIVERSIDADE DAS RAÇAS - (QUESTÃO 52 A 54) - PARTE III
             Contendo os princípios da Doutrina Espírita sobre a imortalidade da alma, a natureza dos Espíritos e suas relações com os homens, as leis morais, a vida presente, a vida futura e o porvir da Humanidade (Segundo o ensinamento dos Espíritos superiores, através de diversos médiuns, recebidos e ordenados por Allan Kardec)
Livro Primeiro: As Causas Primárias
 
Cap. III - Criação

IV - Diversidade das Raças (questões de 52 a 54)

52 – continuação (fevereiro de 2010)

(3) No prosseguir dos nossos raciocínios, vamos rever a raça que primeiro chegou, nesta etapa, a ter uma civilização. Tendo como berço a África, destaca-se a raça negra que, há cerca de uns dez mil anos antes de Cristo, já se constituía em poderosos reinos, conquistando a Arábia, a Pérsia e a Índia subjugando os aborígenes amarelos.

Instalaram-se em todo sul da Europa, onde tinham vencido os colonos vermelhos, adotando ou incorporando suas artes e cultura. 
             
Dominantes, escravizava, usando os subjugados em trabalhos pesados, nas construções de dimensões gigantescas.
             
Sua civilização consistia no conhecimento do plano astral, na prática da magia e na força militar.
             
Muitas guerras aconteceram entre negros e brancos daquela época e depois de muitas batalhas, acontecimentos e trocas de posições, ora um lado vencendo, ora outro, os brancos dominaram e expulsaram os negros da Europa.
             
Aos brancos das eras mais remotas dava-se o nome de Celtas. Seus domínios, a Celtida, abrangia toda Europa Central e Ocidental.
             
Aproximadamente uns 6.700 anos antes de Cristo, iniciou-se um período chamado Ciclo de Ram. Tendo sido expulsos de quase todas as costas da Europa, os negros ainda continuavam senhores da Ásia e África. Sua cidade principal ou capital era Etiópia, enquanto ainda existia a Atlântica.
             
Depois que esta desapareceu, os Negros transpuseram o centro do seu domínio para a Índia. Nesse tempo, não havia as castas: a sociedade era perfeitamente organizada; ambos os sexos gozavam de direitos iguais, tanto no lar como nos templos; o direito eleitoral para escolha de dirigentes pertencia, era de direito, aos pais e mães de família.
             
Havia corporações, isto é, associações de pessoas da mesma profissão ou credo, sujeitas a estatutos, com os mesmos direitos e deveres correspondentes. 
             
Estes núcleos, também estendendo-se às artes, filiavam-se ao Sacerdócio, que formava a alta assembléia dos corpos docentes. As Ciências eram cuidadas pela Universidade, a dinastia e o sacerdócio. O sistema religioso, ou antes, a síntese científica representava a unidade de Deus, simbolizada num grande livro conhecido como Wolha. Esta Unidade manifestava-se por sua dualidade: o espírito masculino e a inteligência feminina.
             
No alto, os sinais visíveis do Universo como os astros e várias figuras dos animais, bem como outros objetos serviam de símbolos com os quais representavam as idéias relativas às forças invisíveis.
             
Só aos eruditos era facultado entender seu significado, ao passo que ao povo comum esse conhecer era vedado.
             
As festas públicas eram grandiosas. Nos teatros encenavam alegorias do Universo e das idéias que possuíam sobre o Universo.

Próximo mês (Maio/2010) A sociedade Celta constituída pela raça branca.

Leda Marques Bighetti
Abril / 2010
 
Bibliografia:
- A Caminho da Luz – Francisco C. Xavier/ Espírito Emmanuel - Revista Espírita 1862-1867-1864-1860 - Exilados de Capela – Edgard Armond - A voz do Antigo Egito – Waldomiro F. Lorenz - Arquivos Psíquicos do Egito – Hermínio C. de Miranda - Anuário Espírita – 2000 - Revista Informação – comunicação – 1ª e 2ª parte
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett