Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
O Livro dos Espíritos  |  Capítulo II - Elementos Gerais do Universo     |  01/05/2007
III - PROPRIEDADES DA MATÉRIA QUESTÕES 29 A 34A (PARTE II)
30 – A material é formada de um só ou de muitos elementos?

De um só elemento primitivo. Os corpos que considerais como corpos simples não são verdadeiros elementos, mas transformações da matéria primitiva.

“(...) O começo absoluto das coisas remonta a Deus. As sucessivas aparições delas no término da existência constituem a ordem da criação perpétua.”¹.

Até agora estudamos que se definem como matéria as várias formas de energia, isto é, um modo de ser da substância que nasce da energia por condensação ou concentração e que regressa a forma original por desagregação, após haver percorrido uma série evolutiva de formas cada vez mais complexa e diferenciadas que reencontram a unidade em realocações coletivas.
A matéria possui como unidade funcional o átomo que é divisível em várias partículas, denominadas como subatômicas, entre elas: elétrons, prótons e nêutrons, essas, por sua vez, também podem ser subdivididas.
A combinação entre os átomos, forma as moléculas que pela diversidade de associações bioquímicas podem compor matéria perceptível ou não.
Em resumo, o átomo pode apresentar – se na natureza na forma estável (em equilíbrio energético) ou, na forma instável onde há um excesso de energia no núcleo. Na condição instável, há uma tendência do núcleo em doar energia para o meio, conhecida por radioatividade, isso por que o átomo busca sempre o equilíbrio energético, ou seja, liberar o excesso para tornar – se estável.
Sendo assim, o átomo faz – se com uma estrutura dinâmica, composto, basicamente, por um núcleo composto por prótons e nêutrons e uma eletrosfera, composta por elétrons dispostos em diferentes camadas que ficam girando em torno do núcleo.
Energia, palavra derivada do grego que quer dizer força, potência, atividade e capacidade de realizar trabalho, propagando – se no meio, na forma de partícula ou onda eletromagnética, dependendo da fonte geradora. Ela é assim, o substrato, isto é a parte essencial do Universo.

O termo Universo também é próprio, referindo – se à unidade: variedade, isto é, a mesma energia diversificada, transformada. A ciência que estuda essas transformações é a física quântica que também encontra – se em constante reciclagem de conceitos.
Recordada esta estrutura básica, voltemos ao texto no momento em que revestido das leis reguladoras e da impulsão inicial, a matéria cósmica primitiva propiciou a que, sucessivamente, nascessem aglomerações desse fluido, dividindo – se e se separando por si próprios, modificando – se ao infinito, originado por sua vez, outros tantos centros de criações simultâneas ou sucessivas.

Em virtude das forças que predominaram, umas sobre as outras, e de várias outras circunstâncias que certamente pré – existiram, esses núcleos primitivos se tornaram focos de uma vida especial; uns mais ricos e atuantes começaram logo um existir astral com características próprias. Outros, ocupando espaços ilimitados, caminharam lentamente, ou, novamente, se dividiram formando outros centros secundários.
Não há acidentalidade, acaso ou coincidência, mas, o encadeamento de fatos mostrando uma realidade equacionável no qual o aspecto fluídico remonta à anterioridade do fenômeno que se repete sob o antecedente de fixação fluídica sutil, sem o que, nada disso seria possível.

Daí porque no estudo passado da questão vente e sete, os Espíritos ensinaram a Allan Kardec: - “Embora, de certo ponto de vista, seja lícito classifica – lo como elemento material, ele se distingue deste por propriedades especiais...”.

“(...) é fluido como a matéria é matéria, e suscetível pelas suas inumeráveis combinações com esta e sob a ação do Espírito de produzir a infinita variedade das coisas de que apenas conheceis uma parte mínima.”

“(...) é o princípio sem o qual a matéria estará em perpétuo estado de divisão e nunca adquiriria as qualidades que a gravidade lhe dá”.

Sem esses raciocínios configura – se o que Leon Denis chama de “o grande enigma”² questionando se há uma finalidade para o Universo ou se é ele apenas um abismo no qual o pensamento se perde por falta de apoio “(...) folha morta ao influxo do vento...”².
Matéria, movimento, substância e força... Matéria que por si mesma é inerte, não se move. Mas ela se movimenta. O que a aciona? A inteligência do homem? Nesse caso, essa inteligência, seria por si só, a própria causa e o homem poderia criar manter e conservar o poder da vida.
A realidade, porém, mostra que há variações e desfalecimentos que fogem, ultrapassam a vontade humana.
Tudo isso ocorre, aliado aos progressos da ciência, para demonstrar a ação de leis naturais, sábias e profundas, ordinárias e conservadoras do Universo, uma 
“(...) inteligência soberana que revela a razão mesma das coisas, Razão consciente, Unidade universal para onde convergem, ligando – se e fundindo – se todas as relações, aonde todos os seres vêm haurir a força, a luz e a vida; ser absoluto e perfeito, fundamento imutável e fonte eterna de toda a ciência, de toda a verdade, de toda a sabedoria, de todo amor”².

Leda Marques Bighetti
Maio / 2007
 
Bibliografia:
MARTINS, MiApi – “Primeira Lição – Uma cartilha metafísica” – Vida e Consciência Editora LTDA. 1ª ed., 1998. Pág. 18 a 21. 2- 
DENIS, Leon – “O Grande Enigma” – FEB – Rio de Janeiro, RJ. 7ªedição, 1983. Cap. I. Pág. 17 a 31. 1- 
KARDEC, Allan – “A Gênese” – FEB – Rio de Janeiro, RJ. 18ª edição, 1976. Cap. VI itens 12 a 16. Pág. 112 a 115.
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett