Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
O Livro dos Espíritos  |  Capítulo II - Elementos Gerais do Universo     |  01/08/2006
II - ESPÍRITO E MATÉRIA QUESTÕES 21 A 28 (PARTE IX)
28- Sendo o Espírito; em si mesmo, alguma coisa, não seria mais exato, e menos sujeito a confusões, designar esses dois elementos gerais pelas expressões: matéria inerte e matéria inteligente?

- As palavras pouco nos importam. Cabe a vós formular a vossa linguagem de maneira a vos entenderdes. Vossas disputas provêm, quase sempre, de não vos entenderdes sobre as palavras. Porque a vossas linguagem é incompleta para as coisas que não vos tocam os sentidos.

Um fato patente domina todas as hipóteses: vemos a matéria sem inteligência e um princípio inteligente independente da matéria. A origem e a conexão dessas duas coisas nos são desconhecidas. Que elas tenham ou não uma fonte comum e os pontos de contato necessários; que a inteligência tenha existência própria, ou que seja uma propriedade, um efeito; que seja mesmo, segundo a opinião, de alguém, uma emanação da Divindade- é o que ignoramos. Elas nos aparecem distintas e é por isso que as consideramos formando dois princípios constituintes do Universo. Vemos acima de tudo isso, uma inteligência que domina todas as outras, que as governa, que delas se distingue por atributos essenciais: é a esta inteligência suprema que chamamos Deus".
           
Resumindo, poderíamos dizer que toda matéria conhecida ou a conhecer, cada qual distinta, diferentes uma da outra, duras, maleáveis, flexíveis, elásticas, escuras, porosas, densas, etc, todas, em sua estrutura básica trazem um componente único comum.
           
As formas que conhecemos constituem-se como transformações dessa matéria primitiva, que é suscetível de prestar-se à todas as modificações com propriedades especificas.
           
A título ainda de estudo, atenhamo-nos à expressão " Fluido Cósmico Universal" usado por Allan Kardec.
           
Muitos censuram a expressão chamando-a de redundante ou pleonasmo porque os termos "Cósmicos" e "Universal" seriam sinônimos, bastando usar-se apenas fluido universal ou fluido cósmico.
           
Na realidade as palavras derivadas de universal dão idéia de geral, total, conjunto, por exemplo, de todos os corpos celeste e o infinito em que estão. Pode-se por isso dizer que universal, é o universo , a totalidade que abrange tudo e todas as coisas.
           
A palavra cosmo, derivada do grego "kosmos" e embora referenciando-se ao universo, indica qualidade ou seja, a espécie.
          
  Daí porque nos casos abaixo usa-se "cósmico"e não "universal": 
a) designação do astro, constelação ou planeta, que nasce e se põe com o sol; b) poeira cósmica; c) nascer cósmico d) raios cósmicos;
e) ruído cósmico.
           
Na Codificação há momentos em que está grafado " fluido cósmico universal" referindo-se este à matéria elementar primitiva que enche todo o Universo. Outras vezes, encontramos "fluido cósmico" atendo-se esta à qualidade específica do mundo, no caso da Terra.
           
O " fluido cósmico" de que fala o Codificador é também universal; daí ter ele aplicado corretamente a expressão " fluido cósmico universal" na qual cada uma das palavras tem a sua significação própria.
           
Como conclusão do item II, poderíamos ver todo um plano montado para que o Espírito atinja à sua destinação de criação: a perfeição.
           
O Universo pleno dos mundos, cada um a seu modo prosperando, se engrandecendo através de cada Espírito aí encarnado que se educa, que se renova moralmente.
           
Nosso planeta já esteve em situação inferior à de hoje e olha para o futuro vislumbrando grau mais avançado.
           
Nesse período de transformações para os tempos que chegarão, que cada um possa se enxergar, pelo trabalho moral que realiza em si, como artífice e construtor do mundo de regeneração que todos almejamos. 

Leda Marques Bighetti
Julho / 2006
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett