Untitled Document
 
Olá! CONECTE-SE AO CEBATUIRA ou CADASTRE-SE!
Untitled Document
Sua cesta está vazia
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério

Centro Espírita Batuíra Favoritos Centro Espírita Batuíra FACEBBOK
 Home   Centro Espírita   Loja Virtual   BELE   Estudos   Efemérides   Mensagens   Onde Estamos   Contato 
 
Estudos Imprimir Indique voltar
O Livro dos Médiuns  |  Segunda Parte Das Manifestações Espíritas   |  Capitulo XIII - Psicografia   |  01/11/2005
PSICOGRAFIA
Contém o ensino especial dos Espíritos sobre a teoria de todos os gêneros de manifestações, os meios de comunicação com o Mundo Invisível, o desenvolvimento da mediunidade, as dificuldades e os escolhos que se podem encontrar na prática do Espiritismo.

SEGUNDA PARTE

DAS MANIFESTAÇÕES ESPIRITAS

CAPITULO XIII

PSICOGRAFIA

Estudo 51 - Item 157 e 158

Em estudo anterior, vimos que a escrita tem a vantagem de demonstrar de maneira mais material a intervenção os Espíritos, deixando traços que podemos conservar, como fazemos com nossa correspondência. O primeiro meio empregado foi o das pranchetas e das cestas munidas de lápis, e era chamado de psicografia indireta. A seguir, veremos a psicografia direta ou manual, conforme descrição feita por Allan Kardec.

A psicografia direta ou manual é obtida pelo próprio médium. Para se compreender este processo, é necessário saber como se verifica a operação. O Espírito comunicante atua sobre o médium que, sob essa influência, move maquinalmente o braço e a mão para escrever, sem ter (é pelo menos o caso mais comum) a menor consciência do que escreve; a mão atua sobre a cesta e a cesta sobre o lápis. Assim, não é a cesta que se torna inteligente; ela não passa de um instrumento manejado por uma inteligência; não passa, realmente, de uma lapiseira, de um apêndice da mão, de um intermediário, entre a mão e o lápis. Suprima-se esse intermediário, coloque-se o lápis na mão e o resultado será o mesmo, com um mecanismo muito mais simples, pois que o médium escreve como o faz nas condições ordinárias. Dessa maneira, toda pessoa que escreve com a cesta, prancheta, ou qualquer outro objeto, pode escrever diretamente. De todos os meios de comunicação, a escrita manual, que alguns denominam escrita involuntária, é, sem contestação, a mais simples, a mais fácil e a mais cômoda, porque nenhum preparativo exige e se presta, como a escrita comum, às dissertações mais extensas. Esse assunto será aprofundado quando estudarmos os médiuns.

No começo dessas manifestações, quando ainda não se tinha idéias precisas a respeito, muitas publicações foram feitas com os títulos: Comunicações de uma mesa, de uma cesta, de uma prancheta, etc. Hoje, tais expressões são impróprias, ou errôneas, abstração feita do caráter pouco sério que revelam. Efetivamente, como acabamos de ver, as mesas, pranchetas e cestas não são mais do que instrumentos inteligentes, embora animados, por instantes, de uma vida factícia. Nada dizem por si mesmas e entender o contrário seria tomar o efeito pela causa, o instrumento pelo princípio. Fora o mesmo que um autor declarar, no título da sua obra, tê-la escrito com uma pena metálica ou com uma pena de pato. 
Esses instrumentos, aliás, não são exclusivos. Tem-se o conhecimento de alguém que, em vez da cesta-pião, usava um funil, em cujo gargalo introduzia o lápis. Poderia, pois, haver comunicações através de um funil, do mesmo modo que de uma caçarola ou de uma saladeira. Se elas são obtidas por meio de pancadas com uma cadeira, ou uma bengala, já não há uma mesa falante, mas uma cadeira, ou uma bengala falantes. Como se vê, o que importa conhecer não é o instrumento e, sim, o modo de obtenção das comunicações. Se a obtemos pela escrita, qualquer que seja o aparelho que sustente o lápis trata-se de psicografia; se por meio de pancadas, tiptologia.

  Tomando o Espiritismo as proporções de uma ciência, indispensável se lhe torna uma linguagem científica. 

Recordando que o Espiritismo não inventou e nem descobriu essas manifestações, mas as estudou em profundidade, inclusive através da psicografia utilizada pelos Espíritos para diminuir a distância entre os mundos Material e Espiritual, derramando sobre a Terra páginas de consolação e esperança, esclarecimentos e orientações, é que percebemos a importância desse meio de comunicação e o que ele representou para a própria divulgação da Doutrina Espírita.

Tereza Cristina D'Alessandro
Novembro / 2005
 
Bibliografia:
KARDEC, Allan - O Livro dos Médiuns: 2. ed. São Paulo: FEESP, 1989 - Cap XIII - 2ª Parte.
 
ENVIE SEU COMENTÁRIO
ADICIONAR AOS FAVORITOS
 
Documento sem título
 
  Menu
  Estudos
 Estudos Obras Básicas
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Espíritos
ESTUDOS BATUIRA  O Livro dos Médiuns
ESTUDOS BATUIRA  O Evangelho Segundo o Espiritismo
ESTUDOS BATUIRA  O Céu e o Inferno
ESTUDOS BATUIRA  A Gênese
 Estudos sobre evangelização e mocidade
ESTUDOS BATUIRA  Evangelização Infantil
ESTUDOS BATUIRA  Mocidade Espírita Batuira
 Estudos temáticos
ESTUDOS BATUIRA  Estudo Evangélico
ESTUDOS BATUIRA  Ciência Rumo ao Espiritísmo
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Home
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Centro Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Loja Virtual
BATUIRA RIBEIRAO PRETO BELE
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Bazar
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mensagens
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Poesias
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Reflexões Espíritas
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Batuira em Coral
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Contato
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Onde estamos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Calendário C.E.B.
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Programação Especial
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Mapa do site
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Canal Batuira
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Galeria de Fotos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meu Cadastro
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus favoritos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Meus Pedidos
BATUIRA RIBEIRAO PRETO Minhas Participações
   
   
   
 
 
Receba nosso Newsletter
Receba nossas mensagens, calendário e estudos por e-mail
enviar
 
Rua Rodriges Alves, 588
Ribeirão Preto - S.P.
Cep: 14050-090 - Vila Tibério
  Centro Espirita Batuira Favoritos   Centro Espirita Batuira FACEBBOK
 Copyright 2014 | Centro Espírita Batuira- Todos os direitos reservados.          by vianett